Mortos VIvos.jpg

Mortos-Vivos do Futebol
2019

 

Durante mais de uma década eu escrevi uma coluna para a revista Placar chamada Os Mortos Vivos do Futebol. A ideia era do diretor da editora Abril na época, Paulo Nogueira: escrever  pequenas biografias de jogadores famosos já falecidos. Descobri que gostava de escrever obituários. Apesar de não ser propriamente um especialista de futebol, a coluna fez sucesso entre os leitores pelo seu tom dramático e apaixonado. Juntei algumas dezenas de colunas para escrever o livro com o mesmo nome. Primeiro ele foi publicado pela editora Livros de Futebol, de César Oliveira. No ano seguinte, relancei o livro pela Amazon/Kindle.