top of page
Buscar
  • Foto do escritorDagomir Marquezi

Poe/Soveral: o sonho se realiza


São Paulo

Em 2001, o português Hélio do Soveral estava numa fase ruim. Idoso, fragilizado, deixou seu apartamento em Copacabana para morar com a filha em Brasília. Ele era um dos maiores escritores que o Brasil já conheceu, mas estava esquecido e abandonado pelo país que o havia acolhido.


Soveral escreveu de tudo - radionovelas, livros de bolso, roteiros de cinema, aventuras juvenis. Mas uma das suas obras mais queridas eram as traduções da poesia de Edgar Alan Poe para o português. Soveral gostava tanto de Poe que batizou sua filha única com o nome de um dos poemas do escritor americano - e Anna Bell Lee virou Anabeli.


No dia 21 de março de 2001, Soveral estava em festa. Aos 82 anos, havia assinado o contrato para que uma editora de Brasília finalmente publicasse sua tradução de Allan Poe. Saiu da editora tão feliz que pediu à acompanhante que fossem a pé para casa. No caminho, foi atropelado e morto por uma moto.


Felizmente Soveral ganhou um dedicado admirador no editor carioca Leonardo Nahoum, que já havia publicado duas de suas obras inéditas. Agora, o sonho do escritor luso-brasileiro está finalmente realizado: Nahoum produziu uma bela edição ilustrada (por Pedro Sasse) com os poemas originais de Edgar Allan Poe, acompanhados da tradução de Hélio do Soveral.


Edgar Allan Poe por Hélio do Soveral será lançado em São Paulo no próximo sábado, no lugar e horário abaixo:



5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page