Buscar
  • Dagomir Marquezi

O bom menino do Carequinha


Quando eu era muito, muito criança, o palhaço Carequinha fez muito sucesso com uma música que serviu de bússola moral para minha geração. A música dizia assim:


"O bom menino não faz xixi na cama

O bom menino não faz malcriação

O bom menino vai sempre à escola

E na escola aprende sempre a lição


O bom menino respeita os mais velhos

O bom menino não bate na irmãzinha

Papai do Céu protege o bom menino

Que obedece sempre sempre a irmãzinha


Por isso eu peço a todas as crianças

Muita atenção para o conselho que eu vou dar:


CAREQUINHA:

Olha aqui! O Carequinha não é amigo de criança

que passa de noite da sua cama para a

cama da mamãe. E também não é amigo de criança

que rói unha e chupa chupeta. Tá certo ou não tá?


CRIANÇAS:

Táááá! Eu obedeço sempre à mamãezinha


CAREQUINHA:

Então aceite os parabéns do Carequinha

(...)

Olha aqui: o Carequinha só é amigo

das crianças que respeitam o papai,

a titia e a vovó. E que seja amigo

dos seus amiguinhos. E também que

coma na hora certa e durma na hora

que a mamãe mandar. Tá certo ou não tá?


CRIANÇAS:

Tááá! Eu obedeço sempre a mamãezinha


CAREQUINHA:

Então aceite os parabéns do Carequinha"

Ouvi esse disquinho um milhão de vezes. Nos anos 1980 tive a alegria de conhecer pessoalmente o George Savalla Gomes (1915-2006) no programa Milk Shake, da Rede Manchete. Ele já não era mais tão conhecido, claro e no cartão que me entregou estava o aviso de que aceitava convites para animar festinhas de aniversário. Sua filha, a atriz Elizabeth Savalla, era a essa altura muito mais conhecida que o pai:

Nessa minha vida já esqueci de um monte de coisas. Mas jamais esquecerei que o bom menino não faz xixi na cama. Tá certo ou não tá?


PS - George Savalla nasceu dentro de um circo. (Sua mãe era equilibrista). E foi enterrado com a roupa do Carequinha.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo